PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Jesus pode abrir mão de calendário europeu. Corinthians terá série infernal

Mauro Cezar Pereira

27/01/2020 17h17

Flamengo pode ter sequência de jogos mais suave do que o Corinthians até o Brasileirão, em maio

Até a primeira rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo pode fazer pré-temporada adequada, jogos uma vez por semana, em média, e ganhar duas taças além fronteiras do Estado do Rio de Janeiro, uma delas internacional. Para isso, basta seguir escalando times reservas ou de jovens no nada empolgante certame da Federação do Rio de Janeiro. Vejamos!

Até a primeira rodada do Brasileiro serão oito jogos por Supercopa, Recopa e Libertadores. Se os titulares, que se reapresentarão nesta segunda-feira, não jogarem pelo Estadual, terão 20 dias de pré-temporada sem partidas oficiais. Em seguida. oito pelejas por competições mais relevantes do que o campeonato carioca em 70 dias.

Isso significa a média de uma partida a cada 8,75 dias. Se Jorge Jesus resolver aproveitar os intervalos mais longos para escalar o time principal em duas pelejas do torneio local, até para dar ritmo à equipe, fará um jogo por semana até o primeiro compromisso pela Série A. Ou seja, o Flamengo pode, sim, ter ótimo calendário e mantendo boa sequência, com jogos mais importantes a disputar nesse começo de temporada.

Tudo isso com chance de ganhar dois troféus e estrear na Séria A com a classificação assegurada aos mata-mata da Libertadores. Para tanto, basta tratar o campeonato carioca como uma competição que passa longe de ser prioritária. Em tempo, se os rubro-negros podem chegar ao primeiro cotejo do Brasileirão com apenas uma dezena de pelejas disputadas até lá, o Corinthians, por exemplo, poderá acumular 25 em 93 dias, sem as quase três semanas de pré-temporada do Flamengo, apenas treinando.

A média pode chegar a um jogo a cada 3,72 dias. Seriam nove pela Libertadores e 16 no Estadual, fora o par de cotejos que fez pela Flórida Cup, poupando seus titulares apenas em alguns compromissos do campeonato paulista. E isso faz muita diferença lá no segundo semestre, quando as principais competições são decididas. Fato, se deixar de lado o Estadual, o Flamengo terá um "calendário europeu" até começar a defender o título brasileiro. Quanto ao Corinthians, já envolvido no Paulista e seus tensos clássicos e com jogos pela fase inicial da Libertadores, corre o risco de encarar uma sequência infernal.

No seu retorno aos trabalhos com o elenco, nesta segunda-feira, o técnico Jorge Jesus falou em escalar seus titulares em duas rodadas pelo Campeonato Carioca. Uma decisão curiosa, depois da reclamação do português contra o calendário, após a derrota para o Liverpool, na prorrogação, na final do Mundial de Clubes da Fifa. Se escalar algo próximo da força máxima no Estadual, o Mister poderá abrir mão de um "calendário europeu".

 

follow us on Twitter

follow me on youtube

follow me on facebook

follow us on instagram

follow me on google plus

Sobre o autor

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN e da Rádio Bandeirantes de São Paulo.

Sobre o blog

Trazer comentários sobre futebol e informações, eventualmente em primeira mão, são os objetivos do blog. O jornalista pode "estar" comentarista, mas jamais deixará de ser repórter.

Mauro Cezar Pereira