PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Deputado diz que governo pode ajudar brasileiro preso na Rússia

Mauro Cezar Pereira

24/01/2020 18h08

O brasileiro Robson Oliveira, detido na Rússia desde 18 de março, corre o risco de ser condenado a 20 anos de prisão pelo porte de medicamentos que naquele país são considerados entorpecentes. Ele foi para lá trabalhar a convite de familiares do jogador de futebol Fernando, na época atuando no Spartak Moscou.

A mala com as duas caixas do remédio Mytedom 10mg (cloridrato de metadona) foi levada por ele e por sua companheira, Simone Barros, contratada como cozinheira a família, a pedido de parentes do atleta. Os medicamentos eram destinados ao sogro do volante, hoje no futebol chinês.

O blog conversou com o advogado de Robson, Olimpio Soares, que citou o deputado Marcelo Freixo: "Se mostrou muito empenhado, mas disse que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, não tinha enviado um documento formal à embaixada Russa. Cobrei o Freixo esses dias, e ele ficou de me retornar, mas até agora nada".

O blog procurou o parlamentar para atualizar a situação do cidadão brasileiro abandonado numa cadeira russa.

O advogado disse que espera uma resposta sua depois que Rodrigo Maia não enviou um documento à embaixada russa. Há alguma novidade?

Fui na embaixada pessoalmente. A ideia da carta é do próprio embaixador. O Rodrigo Maia nunca entregou a carta. Inacreditavel. Mais uma indiferença em relação ao absurdo do caso. Tenho falado com o advogado.

O que pode ser feito, ainda, por ele, e o que farão?

O mais importante seria uma ação do governo Brasileiro solicitando a extradição. É a única saída.

 

follow us on Twitter

follow me on youtube

follow me on facebook

follow us on instagram

follow me on google plus

Sobre o autor

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN e da Rádio Bandeirantes de São Paulo.

Sobre o blog

Trazer comentários sobre futebol e informações, eventualmente em primeira mão, são os objetivos do blog. O jornalista pode "estar" comentarista, mas jamais deixará de ser repórter.

Mauro Cezar Pereira