Topo
Blog do Mauro Cezar

Blog do Mauro Cezar

Categorias

Histórico

Flamengo vence Santos no duelo dos melhores técnicos do país. E faz sonhar

Mauro Cezar Pereira

14/09/2019 20h25

Jogadores do Flamengo comemoram o gol que decidiu a partida – Foto: Divulgação/Alexandre Vidal/CRF

Intensidade, estratégia, jogo coletivo. O Santos é, hoje, superior ao Flamengo nesses quesitos. Normal, Jorge Sampaoli começou a treinar time santista 254 dias antes do confronto com o Flamengo, cujo treinador, Jorge Jesus, teve a primeira atividade com seus atletas há 86. A diferença dos 168 dias a mais de trabalho pesou, assim como a maior qualidade do time rubro-negro, que dessa maneira venceu seu mais difícil adversário desde que o português desembarcou em Terra Brasilis.

Fato é que, mesmo com desfalques, jogando fora de casa, atrás na classificação e vindo de resultados que decepcionaram, a equipe santista igualou o jogo, foi melhor em alguns momentos e impôs grandes dificuldades aos rubro-negros. Foi um duelo bem mais complicado para o Flamengo do que os diante de Palmeiras, pela Série A, e Internacional, na Libertadores, pois o Santos também atacava, criava, ameaçava, não apenas se defendia, tampouco concedia liberdade aos mandantes.

O tento de Gabigol, além de estupendo, foi seu 30º gol pelo Flamengo em 40 jogos na temporada 2019, sendo 11 nos últimos 10 e 20 nos 19 cotejos mais recentes, como destacou o jornalista Rodolfo Rodrigues. O trio formado pelo camisa 9, por Arrascaeta e Bruno Henrique têm, agora, 60 gols no ano, com 27 assistências. Além disso, apesar de seus problemas defensivos, o time de Jesus mostrou evolução contra seus dois mais próximos perseguidores. Assim como o Palmeiras, o Santos não finalizou na direção do gol rubro-negro.

Destaque para Everton Ribeiro, o melhor em campo; Willian Arão, impecável como primeiro volante, mostrando que vem se transformando em outro jogador com as orientações de seu novo treinador, mais atento, concentrado, combativo, ciente de suas obrigações sem a bola. O final do turno empolga a maior torcida do Brasil, que tem motivos para alimentar esperanças, pois até a última rodada do Brasileirão Jesus terá mais 85 dias de trabalho. Se com 86 já progrediu tanto, o que impede os rubro-negros de terem fé e sonhar?

follow us on Twitter

follow me on youtube

follow me on facebook

follow us on instagram

follow me on google plus

Sobre o autor

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN e da Rádio Bandeirantes de São Paulo.

Sobre o blog

Trazer comentários sobre futebol e informações, eventualmente em primeira mão, são os objetivos do blog. O jornalista pode "estar" comentarista, mas jamais deixará de ser repórter.

Mais Blog do Mauro Cezar