Topo
Blog do Mauro Cezar

Blog do Mauro Cezar

Categorias

Histórico

Flamengo e Jorge Sampaoli? Vice de futebol afirma que não procurou técnico

Mauro Cezar Pereira

2005-05-20T19:02:54

05/05/2019 02h54

Jorge Sampaoli com o presidente do Santos, José Carlos Peres, em 17 de dezembro quando foi apresentado

No programa Linha de Passe da noite de sábado, na ESPN Brasil, o jornalista Paulo Calçade informou que alguém do conselho do Flamengo procurou uma pessoa que cuida dos interesses de Jorge Sampaoli para fazer uma consulta. O blog entrou em contato com o vice-presidente de futebol do clube carioca, Marcos Braz, que negou qualquer contato com o técnico argentino ou algum representante. "Não procurei o Sampaoli, nem ninguém autorizado a fazer isso em nome do clube", assegurou. Já na manhã de domingo, duas pessoas importantes da estrutura do futebol rubro-negro negaram sondagem oficial.

Para entender como esse contato pode ter ocorrido, é necessário compreender a estrutura rubro-negra em seu departamento de futebol. Existe um grupo apelidado internamente de "conselhinho", do qual faz parte o presidente Rodolfo Landim, Braz e o vice de relações externas Luiz Eduardo Baptista, o BAP. Há ainda o trio Dekko Roisman, Fábio Palmer e Diogo Lemos, representantes, respectivamente, dos grupos FlaFut, Ideologia e Sinergia, que apoiaram a chapa vencedora na eleição de dezembro. Há um mais importante do que os três, o diretor Bruno Spindel, que é quem negocia com clubes, jogadores e agentes contratações, vendas, etc.

Entre tantos personagens, em tese, além de Braz, Spindel e do próprio presidente, somente BAP teria peso suficiente para tomar tal iniciativa e levá-la adiante. No entanto, ele é o maior defensor da permanência de Abel Braga no comando técnico, apesar de desgastado por maus resultado e desempenho abaixo das expectativas. Evidentemente é possível que algum outro dirigente, conselheiro ou até sócio ligado aos movimentos políticos do clube tenha procurado o staff do técnico contratado no fim de 2018 pelo Santos.

Sampaoli era um dos nomes que agradava uma ala antes da escolha do técnico para 2019, como o ex-treinador do Boca Juniors Guillermo Barros Schelotto. Mas Abel, que já havia tido conversas com outras pessoas, e tinha o apoio de BAP, acabou sendo o escolhido depois da decisão de permanecer no Grêmio anunciada por Renato Gaúcho Portaluppi . Hoje a preocupação geral é sobreviver na Copa Libertadores não perdendo o jogo com o Peñarol, quarta-feira, em Montevidéu, para depois agir pensando no decorrer da temporada.

Mesmo que o time consiga bom resultado neste domingo, contra o São Paulo, no Morumbi e sobreviva na competição internacional, Abel seguirá questionado. Já há entre muitas pessoas no Flamengo o consenso de que o futebol apresentado precisa melhorar, muito. E sabe-se que um ou dois jogos não mudarão o cenário existente. Como há uma bela distância entre a iniciativa de alguém ao dar um telefonema, por exemplo, e uma contratação, o rubro-negro que é fã do técnico argentino, hoje, não deve se animar.

 

follow us on Twitter

follow me on youtube

follow me on facebook

follow us on instagram

follow me on google plus

Sobre o autor

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

Contato: maurocezarblog@uol.com.br

Sobre o blog

Trazer comentários sobre futebol e informações, eventualmente em primeira mão, são os objetivos do blog. O jornalista pode "estar" comentarista, mas jamais deixará de ser repórter.

Mais Blog do Mauro Cezar