Topo
Blog do Mauro Cezar

Blog do Mauro Cezar

Categorias

Histórico

Placar foi do Botafogo, mas o ex-auxiliar de Sampaoli superou Zé Ricardo

Mauro Cezar Pereira

2007-02-20T19:16:15

07/02/2019 16h15

Julio González disputa a bola com Jonathan sob a tempestade de quarta-feira no Rio de Janeiro: jogo difícil

Não há como comparar a relevância histórica entre Botafogo e Defensa y Justicia. O clube argentino aderiu ao futebol apenas em 1977 (o da da estrela solitária já tinha sete décadas de estrada) e estreou em março de 1978 na Primera D argentina, o que seria uma quarta divisão da época. O time de Florencio Varela, nos arredores de Buenos Aires, chegou à primeira divisão apenas na 2013/2014, quando os botafoguenses estavam na Libertadores.

Desde então, turbinado pelo empresário de jogadores Christian Bragarnik (sobre ele e o clube escreverei mais em breve), segue competitivo e é o atual vice-líder da Superliga Argentina, atrás do Racing. Na vitória de quarta-feira, no Nilton Santos/Engenhão, o time carioca contou com um lampejo de Erik, que definiu o placar num chute espetacular, já nos acréscimos.

Treinado pelo argentino Sebastian Beccacece, ex-auxiliar de Jorge Sampaoli, o Defensa y Justicia foi o mais prejudicado pelo gramado pesado, consequência do dilúvio que atingiu o Rio de Janeiro. Mesmo assim trocou mais passes certos (253 a 181) e teve maior posse de bola (55% contra 45%), além de finalizar mais (oito contra sete). O visitante teve mais controle da partida.

Em casa, o Botafogo buscou acelerar e finalizar mesmo de média distância, o que deu certo no lance derradeiro, mas no segundo tempo houve um longo momento no qual recuou em seu campo enquanto o adversário trocava passes. Era nítida e diferença entre os conjuntos. A equipe de Zé Ricardo não conseguia se impor como mandante, o Defe  tinha controle da partida.

O Botafogo venceu, está em vantagem para a volta, mas o jogo disputado na noite chuvosa e no gramado (que resistiu bem, até) quase impraticável pela quantidade de água, sinaliza grandes dificuldades na Argentina. E ficou claro no duelo de técnicos Beccacece x Zé Ricardo, que o conjunto do pequeno clube portenho é bom, mais fluente do que o botafoguense.

follow us on Twitter

follow me on youtube

follow me on facebook

follow us on instagram

follow me on google plus

Sobre o autor

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

Contato: maurocezarblog@uol.com.br

Sobre o blog

Trazer comentários sobre futebol e informações, eventualmente em primeira mão, são os objetivos do blog. O jornalista pode "estar" comentarista, mas jamais deixará de ser repórter.

Mais Blog do Mauro Cezar